quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

"A nostalgia de um lápis"

Hoje regressamos aos dias dos bancos da escola pela mão do blogue Taste of Spotting e dos lápis Viarco. "Quem não se lembra dos lápis de carvão, alguns que passavam de gerações em gerações, desde os padrões de animais, às fábulas e à tabuada, (que admito muito me me ajudou - D. Luísa, o mérito era do lápis, nem sempre foi meu - risos). A verdade é que quem frequentou a escola primária, ainda que maioritariamente nos 60 e 70, é muito natural que desde a primeira classe tivesse como companhia os lápis da Viarco, uma marca bem portuguesa, rica em momentos, rica em história."

2 comentários:

chicco ® disse...

Mais do que escrever este artigo, o meu maior prazer foi, de facto, o regressar de alguma (muita) nostalgia, aos tempos de criança, aos tempos em que éramos, por vezes, mais felizes, sem saber... Dos deveres da escola, aos simples desenhos naquelas folhas brancas que a minha mãe comprava, (e quando não comprava, nas folhas das revistas, cúmplices das minhas tentativas de artista - risos). Um grande e sentido Obrigado, de alguém que escreve pelo momento do correr da lágrima, saudoso, e pelo prazer de recordar ♥

gatochinchilla disse...

Que lindo! na minha infância eu tive um com as tabelas de multiplicação, aquele ar de nostalgia. Saludos desde Chile (de Portugues google;/)

;)