terça-feira, 30 de março de 2010

A Páscoa quer-se doce

N' A Vida Portuguesa, Páscoa é sinónimo de Arcádia. Um nome de fazer crescer água na boca que todos os portuenses conhecem. E muitos lisboetas também, habituados a trazê-lo de presente para a capital. Fundada em 1933 no Porto, a Arcádia é a mais célebre e antiga marca de chocolates e artesanais portugueses.

As suas drageias de licor, inteiramente bordadas e pintadas à mão, uma a uma, são absolutas maravilhas – uma verdadeira obra-prima da confeitaria portuguesa. Para A Vida Portuguesa, a Arcádia concebeu embalagens de 200gr exclusivas das suas inúmeras variedades, como os minúsculos bébés, as mais emblemáticas entre todas.

1 comentário:

polittikus disse...

Por falar em chocolates portugueses. Lembrei-me dos infelizmente mais industriais, mas sempre saborosos chocolates da portuguesa REGINA...